Blogue de informação e reflexão sobre temas ambientais. Desde Janeiro 2004, porque só os peixes mortos seguem com a corrente.
blogs SAPO
subscrever feeds
PATRIMÓNIO
BLOGUES
Sexta-feira, 6 de Janeiro de 2006
...

1983-02-Milhundos01 copy.jpg


Era uma vez um dia de Fevereiro de 1983. A manhã acordava assim, nevando em Milhundos, Penafiel, onde na altura eu trabalhava e morava. Era uma vez uma avó. Para além de tratar da sua vida e de ajudar a família, tratava das galinhas, dos galos, dos coelhos, das couves, das alfaces, dos nabos, dos rabanetes e sei lá que mais. A D. Maria tratava também dos seus 3 netos e ainda aturava o meu filho. Foi com ela que, durante 7 anos, ele aprendeu a gostar da terra e dos animais. Era uma vez um dia de Janeiro de 2006. Aquela avó era mortalmente atropelada numa passadeira em Milhundos. No sítio onde agora me encontro não neva. Chove.

Publicado por OLima às 00:41
Link da posta | Comentar
partilhar
2 comentários:
De Anónimo a 6 de Janeiro de 2006 às 17:48
Os sorrisos são eternos e os carinhos intemporais... quando recheados daquele amor que só pais e avós sabem carregar.
Com um abraço do mais sentido pesar.
Guilherme
(http:\\grande.chefe.blogspot.com)
(mailto:o.grande.chefe@gmail.com)
De Anónimo a 6 de Janeiro de 2006 às 14:56
É triste, que tudo neste País e neste mundo caminhe irredutivelmente para o fracasso:
-Fracasso das relações familiares,
-Fracasso do respeito mútuo,
-Fracasso do actual sistema climático.Félix
(http://desambientado.blogspot.com)
(mailto:felix@notes.angra.uac.pt)

Comentar posta

Pesquisar neste blog