Blogue de informação e reflexão sobre temas ambientais. Desde Janeiro 2004, porque só os peixes mortos seguem com a corrente.
blogs SAPO
subscrever feeds
PATRIMÓNIO
BLOGUES
Terça-feira, 24 de Fevereiro de 2009
Reflexão

O mercado de carbono entrou em colapso. “O ano passado Bruxelas estabeleceu um limite de créditos de carbono aos maiores poluidores europeus. As indústrias que redizissem a sua poluição poderiam vender créditos a outras que precisassem. Enquanto a procura ultrapassou estes limites e o preço dos créditos era alto, houve motivos para se investir em energia verde. Para quê comprar créditos caros para manter uma central a carvão quando se podia investir em energia limpa?” explica Julien Glover (JG) no Guardian de 23 de Fevereiro.  Este comércio de emissões funciona enquanto há escassez de créditos e há especulação. Se os créditos são baratos e toda a gente tem muitos, então os incentivos verdes entram em colapso. A crise e a recessão trazem menos produção, menos poluição e, consequentemente, mais créditos a preços mais baixos e possibilidade de poluir mais. “O resultado é um sistema que não resolve nada contra as alterações climáticas mas enche os bolsos aos mega-poluidores como a produtora de aço Corus”, explica JG

Publicado por OLima às 00:02
Link da posta | Comentar
partilhar
Pesquisar neste blog